Frango de caril Yammi

 

 

Esta semana andamos na “onda” de fazer pratos com  paladares um pouco diferente da nossa gastronomia. Se bem que é muito comum fazer-se frango com Caril em Portugal.E hoje não foi excepção preparei um belo frango de Caril aqui em casa com aquele aroma a caril. E tive a ajuda da Yammi e o resultado foi excelente estava realmente bom. Para acompanhar fiz um arrozinho de coentros.Tinha me esquecido de compar o belo do leite de coco mas sai de casa de propósito para o ir comprar, pois frango de caril não é a mesma coisa se não tiver leite de coco. Ficou simplesmente delicioso. Segue-se a receita espero que gostem 😉

Frango de caril Yammi

Tempo: 40 minutos aproximadamente

Grau: Fácil

Ingredientes

  • 5 dentes de alho, descascados
  • 40 ml de azeite
  • 1  de cebola, descascadas e cortadas
  • 1  pedaço de gengibre do( tamanho de uma cabeça de alho), cortado aos pedaçinhos
  •   coentros frescos  qb
  • 2 colher de chá de caril bem cheias
  •  sal qb
  • 70ml de água
  • 500 g de frango cortado em pedaços pequenos
  • 20ml polpa de tomate
  • 250 ml de leite de coco

 

Preparação:

  1. Aqueça o azeite 1 minuto na velocidade 1 a 100º.
  2. Adicione a cebola, o alho, o gengibre e os coentros picados na yammi e programe 10 segundos na velocidade 5.
  3. Raspe as paredes da yammi e programe 5 minutos na velocidade 2 a 100º sem a tampa para sair o vapor.
  4. Tempere com sal e com o caril cozinhe 3 minutos na velocidade 2 na temperatura máxima (ST)
  5. Adicione a água e cozinhe 5 minutos na temperatura 1 a 100º.
  6. Coloque o frango aos pedaços, a polpa de tomate e o leite de coco e marque 17 minutos na velocidade 1 na temperatura máxima (ST)

Nota: caso o frango ainda não tiver cozido coloque mais alguns minutos na mesma temperatura e velocidade.

 

 

Fotografia do Frango de Caril Yammi

frango-de-caril-yammi

 visite o nosso facebook

Bom apetite e bons pratos

Beijocas

 

Last updated by at .

2 Comments

  1. Maria João Pestana Março 17, 2014 Reply
  2. Maria João Pestana Fevereiro 28, 2014 Reply

Responder a Maria João Pestana Cancelar resposta